O MUNDO É DAS CRIANÇAS E O REINO DOS CÉUS TAMBÉM! ENTÃO, VAMOS ACORDAR A SUA CRIANÇA?!


O mês de outubro é o mês especial da criança, por isso a nossa homenagem vai para elas e também para todos os adultos porque afinal dentro de nós mora um anjo que se chama CRIANÇA INTERIOR! Somos todos crianças, mesmo que a maioria de nós tenha esquecido disso. Eu acho que seria muito bom se nós voltássemos a manter contato com aquela época em que detínhamos imensa sabedoria e ao mesmo tempo, éramos tão puros de coração e tão humildes. Estávamos ávidos por conhecer e explorar tudo e cada coisa, cada objeto, cada pessoa. Todos os aspectos, todos os detalhes nos interessavam. Estávamos totalmente abertos a perceber e a acolher a diversidade da vida. A curiosidade nos movia e fazia vibrar de um modo único e especial, lembram?! Nada nos escapava a observação desde um som, um ruído, uma voz até um fiapo na roupa da mamãe ou um grão de arroz no chão em que engatinhávamos.

Deixai vir a mim as criancinhas porque delas é o reino dos Céus.      Lucas 18:16

Como tudo isso era interessante e tinha graça para nós! Que delícia sentir-se como um explorador, livre, que chega a um lugar totalmente novo e se põe a “pesquisar”, conhecer e experimentar para então descobrir! Nosso sorriso era fácil, franco, puro e permanente. Aprendemos a caminhar, a falar e desenvolvemos novas habilidades e talentos ajudados pelos nossos primeiros e mais marcantes professores: os pais.

Seguimos amando muito a vida, as pessoas e a natureza e sempre dispostos a brincar e achar graça nas coisas mais simples e singelas. Continuamos abertos a acolher o outro para jogar e se divertir sem nem mesmo saber seu nome ou sobrenome, seu status social… A comunicação era sempre pelos olhos e pelo coração afinal existe algo mais puro e verdadeiro do que a comunicação de alma para alma?!

Você teve alguma dificuldade em lembrar-se dessa época, dessa criança que mora dentro de você? Você lembrou e sente saudades desse tempo que não volta mais?

Temos uma sugestão que vai ajudá-los: aproveite este mês da criança e faça o propósito de mudar alguma coisa dentro de você. Comece por buscar algumas fotos suas de quando era bebê e depois criança em diferentes fases. Olhe e conecte-se com essa (e) que está nas fotos. Deixe essas fotos perto de você e todos os dias ao acordar olhe um pouco para elas, saúde a criança que ali está e diga a ela que a ama e que é bem vinda outra vez. Diga que a porta está aberta, ela pode passar e sair, ela pode se expressar e manifestar. Convide e dê boas vindas a ela. Com o passar dos dias você vai perceber mudanças e vai ficar mais fácil o processo então, você também pode passar a agradecer. Agradeça a essa criança que habita em você. Ela é sua Essência, sua criança interior.

Outra prática que vai ajudar muito na transformação é procurar pela presença das crianças a sua volta, caso não tenha crianças em casa ou na família. Intencione atrair crianças para você e passe a observar mais as crianças, se possível brinque com elas e aprenda com elas. Pode ser num parque, no restaurante, na fila do ônibus ou do super mercado, não importa. Busque a convivência com as crianças e as observe com atenção. Converse com elas e principalmente, as escute de verdade. Pergunte e deixe que elas falem. Controle-se para não tagarelar e impor o seu discurso antigo e decorado. Aliás, você mesmo não está cansado desse discurso? Então?! Busque o novo, novíssimo, a mudança ouvindo as crianças!

São elas que nos trazem as mensagens de um novo amanhecer, de um novo mundo possível! São as crianças que tornam tudo mágico, leve, fácil e encantador! Elas têm o coração puro, falam a linguagem do coração, a única capaz de entortar o metal mais duro e resistente e a única capaz de transformar as almas mais confusas e perdidas. Crianças são presenças de luz, onde há luz não resta espaço para escuridão.

Você já experimentou perguntar a uma criança, por exemplo, de onde ela veio? Quer dizer, onde ela estava antes de nascer aqui na Terra? Você já tentou saber se ela conversa com Deus, com os anjos? E, o que ela fazia enquanto estava lá, naquele setor do Céu, onde as crianças esperam e são preparadas para nascer?! Ainda não perguntou?! Experimente, mas faça isso não por brincadeira ou num momento inadequado. Faça isso com respeito, sensibilidade e com amor. Esteja preparado para ouvir…

Neste mês da criança, vamos fazer um pacto interno de ouvir e de cuidar da nossa criança interna? Vamos também fazer um pacto de união e cooperação para amar, cuidar e proteger todas as crianças e não somente aquelas de nossa família de sangue. Vamos ativar em nós a consciência de que somos todos nós, adultos, os responsáveis por cuidar e proteger a infância. Ela é o berço sagrado de nossas esperanças de co-criar um mundo verdadeiramente melhor, mais evoluído, justo, pacífico e amoroso para todos nós, a humanidade e o planeta.

Vamos cantar, dançar, brincar e rir muito juntos ou sozinhos!

Alegria, Alegria!

E viva o Cirque du Soleil!

Coloque aquela música que você tanto ama e gire, gire, gire até se soltar e ficar tonto. Então, deixe-se cair no chão ou num bom sofá ou mesmo num colo que estiver por perto. Depois solte o riso, que delícia! Tem coisa melhor que umas boas risadas soltas? Ainda mais se forem risadas de criança, da sua criança, das outras crianças, de todas as crianças do mundo!

Desejo a todos uma feliz “viagem” ao mundo das crianças!

Um abraço afetuoso,

Ingrid
Outubro 2012