MEU DIÁRIO / POESIAS

Viagem

Que energia
é essa?
que medos
são esses ?
de onde vem,
para onde
pretendem ir?
custo a entender
a mim mesma
é difícil saber
os porquês…

Quero saber mais além
daquilo que agora sei
desejo alcançar
bem acima daquilo
que ainda não sei
é duro subir
a colina
sem saber
o que eu já sei
sem sentir
que posso seguir

É dura demais
a vida
daqueles que
vem abrir
desvelar e
desbravar

É quase, quase
o apelo
de um mestre
que ao caminhar
senta-se e diz
ao discípulo:
que dia é hoje
menino?

Custa-me muito
a ver
a estrada
que leva ao mar
preciso,
ainda hoje,
saber onde fica
a vida
que nos levará
à saída
do túnel
até o céu.

Ingrid Cañete